Het Niewsblad: Agora é pra valer!!

É isso aí, moçada, chega de corrida preparatória, chega de voltas obscuras por países sem tradição! Agora o bicho vai pegar! E tudo começa com o antigo Het Volk, agora Het Niewsblad, que é corrido num grande circuito com largada e chegada na linda Ghent, no coração das Flandres (“Vlaanderen” na língua local)!

Este mini Tour de Flandres é um aperitivo do que vem por aí. É território sagrado de belgas flamengos, com algumas incursões holandesas e uns poucos de europeus do sul.

Favoritos? Gilbert já disse que vai para ganhar, apesar de não estar no pico (aguardem-no em 4 semanas). Como o HN tem cerca de 50 km a menos que o Ronde, os ‘top guns’ que ainda estão um pouquinho ‘curtos’ continuam favoritos. É só analisar a lista de vencedores.

Aqui não tem zebra…

2010 Juan Antonio Flecha (Spa) Sky Professional Cycling Team    
2009 Thor Hushovd (Nor)    
2008 Philippe Gilbert (Bel)    
2007 Filippo Pozzato (Ita)    
2006 Philippe Gilbert (Bel)    
2005 Nick Nuyens (Bel)    
2004 Cancelled because of snow    
2003 Johan Museeuw (Bel)    
2002 Peter Van Petegem (Bel)    
2001 Michele Bartoli (Ita)    
2000 Johan Museeuw (Bel)    
1999 Frank Vandenbroucke (Bel)    
1998 Peter Van Petegem (Bel)    
1997 Peter Van Petegem (Bel)    
1996 Tom Steels (Bel)    
1995 Franco Ballerini (Ita)    
1994 Wilfried Nelissen (Bel)    
1993 Wilfried Nelissen (Bel)    
1992 Johan Capiot (Bel)    
1991 Andreas Kappes (Ger)    
1990 Johan Capiot (Bel)    
1989 Etienne De Wilde (Bel)    
1988 Ronny Van Holen (Bel)    
1987 Teun Van Vliet (Ned)    
1986 No Race    
1985 Eddy Planckaert (Bel)    
1984 Eddy Planckaert (Bel)    
1983 Alfons De Wolf (Bel)    
1982 Alfons De Wolf (Bel)    
1981 Jan Raas (Ned)    
1980 Joseph Bruyere (Bel)    
1979 Roger De Vlaeminck (Bel)    
1978 Freddy Maertens (Bel)    
1977 Freddy Maertens (Bel)    
1976 Willem Peeters (Bel)    
1975 Joseph Bruyere (Bel)    
1974 Joseph Bruyere (Bel)    
1973 Eddy Merckx (Bel)    
1972 Frans Verbeeck (Bel)    
1971 Eddy Merckx (Bel)    
1970 Frans Verbeeck (Bel)    
1969 Roger DeVlaeminck (Bel)    
1968 Herman Vanspringel (Bel)    
1967 Willy Vekemans (Bel)    
1966 Jo De Roo (Ned)    
1965 Noél De Pauw (Bel)    
1964 Frans Melckenbeek (Bel)    
1963 René Van Meenen (Bel)    
1962 Robert DeMiddeleir (Bel)    
1961 Arthur De Cabooter (Bel)

Apesar de ser mais curto e com menos ‘bergs’ para escalar (e sofrer), o HN acontece numa época de frio mais acentuado e nem todo grande ciclista se adapta a este clima. E tão ruim, ou pior, que o frequente frio e chuva são os ventos do Mar do Norte que açoitam a região. Coisa para um bravo!

O grande ciclista holandês Jan Raas venceu em 1981 com um clima 100% belga!!

Assim como o Ronde, raramente o HN termina em sprint de pelotão, mas quando acontece é pura emoção e a vitória reservada para um belga rápido (quase todos são!).

Em 1992, o bi-campeão Johan Capiot, sprinter do Flandres, vence Etienne de Wilde, o mais rápido dos veteranos belgas.

Façam as suas apostas: eu vou de Boonen, que apesar de dizer que está mirando no ‘double’ Ronde – Roubaix, está muito forte e louco para vencer em casa…qualquer corrida!

Abs, F.

PS: Het Volk é um jornal local, cujo nome significa O Povo, enquanto que o nome do seu concorrente Het Niewsblad significa A Última Hora. Informações utilíssimas, que vocês poderão usar numa pedalada com os amigos no domingão…rsrs

About Fernando Blanco

Apaixonado por ciclismo há mais de 30 anos, começou a pedalar em 1977 em Santos, tendo corrido para valer até os 20 anos de idade, quando coisas 'banais' como faculdade, carreira executiva, casamentos e filhos atrapalharam um pouco...agora, como Senior B, está treinando forte e pretende compensar o tempo perdido. Como ciclista foi um bom sprinter, chegando à pré-convocação da Seleção Brasileiros de Juniores em 1979. Se a carreira como ciclista não foi grande coisa, a coleção de revistas locais e internacionais (mais de 1.000) e de videos/DVDs (mais de 100) proveram bastante cultura sobre o ciclismo profissional. Provas internacionais acompanhadas ao vivo: Mundial de Estrada ('07), Mundial de Pista ('89), Tour de France ('97 e '02), Liège-Bastogne-Liège e Flèche Wallone (ambas em '92), Paris-Nice ('97), Ronde van Belgie (´89).
This entry was posted in Corridas - Internacional and tagged , . Bookmark the permalink.

2 Responses to Het Niewsblad: Agora é pra valer!!

  1. Eduardo says:

    Minha aposta: Heinrich Haussler, mas sou fã do Gilbert.

  2. Juca says:

    Belo post Fernando, mais uma vez adicionando algo a nossa cultura de ciclismo!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s